As músicas internacionais mais polêmicas de todos os tempos! – Notícias ao Minuto Brasil

Leite acumula números piores que os de Salles após 1 ano à frente do Meio Ambiente
Brasil registra mais de 25 mil novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas
Governo Bolsonaro presta condolências a Caiado pela morte de seu filho
Leite acumula números piores que os de Salles após 1 ano à frente do Meio Ambiente
Governo Bolsonaro presta condolências a Caiado pela morte de seu filho
Filho de Ronaldo Caiado morre aos 40 anos
Governo do RJ usará Procon para obrigar posto a reduzir preço da gasolina
Nos EUA, Bezos critica pedido de Biden para que postos de gasolina reduzam preços
Com alta da Selic, renda fixa isenta de IR atrai atenção dos investidores
Luciano renasce no ataque do São Paulo com 4 gols em 2 jogos: 'Estou muito feliz'
Pia Sundhage corta Letícia Izidoro e Gabi Nunes da disputa da Copa América
Luciano marca duas vezes e dá 1ª vitória ao São Paulo fora de casa no Brasileirão
Mulher de Andreas Kisser, do Sepultura, morre aos 52 anos
Marido de Silvia Poppovic está com leucemia e filha doará medula
Namorado e ex-marido de Adele sentam lado a lado em show
Brasil registra mais de 25 mil novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas
Distrito Federal tem primeiro caso de varíola dos macacos
Exército admite não conseguir detalhar armas nas mãos de atiradores e caçadores
Passageiros sofrem com onda de cancelamentos de voos no aeroporto de Lisboa
Oito agentes dispararam dezenas de vezes contra afro-americano nos EUA
Família diz ter sido comunicada que brasileiro morreu na Guerra da Ucrânia
Caça da FAB dispara e intercepta aeronave com 500 kg de cocaína
Traficantes recorrem a portos do Nordeste para distribuição de cocaína
Homem morre após ser baleado em assalto na avenida Sumaré, em SP
Morre Sergio Paulo Rouanet, criador da lei de incentivo à cultura
26ª Bienal Internacional do Livro começa hoje em São Paulo
Os 30 filmes mais amados e citados de todos os tempos!
Anatel faz consulta pública para padronizar carregadores de celular
Diante de crise, Zuckerberg anuncia corte nas contrações e recursos da Meta
Astronomia: julho terá chuva de meteoros e Lua dos Cervos
Cuidado. Hábito que (quase) todos temos aumenta risco de morte prematura
Estudo alerta para urgência de novos tratamentos contra verminoses
Covid longa pode afetar crianças de todas as idades, inclusive bebês
Pessoas famosas que sobreviveram à poliomielite
Famosos que morreram pelo vício em álcool
Esses famosos são sempre confundidos um com o outro! Você sabe quem é quem?
O que seu signo lunar diz sobre você
Líderes mundiais que tomaram o poder através de golpes
O que aconteceu com os assassinos mais infames da história?
Ver de novo
Lizzo

Referências a drogas, conteúdos explícitos, agressões verbais às autoridades… Algumas músicas se propõem a ser controversas. Outras acidentalmente acabam entrando em território perigoso. Músicos, vez ou outra, fazem canções para desafiar crenças ou expressar algo que choca os ouvintes, o que pode até resultar na perda de fãs. Letras com duplo sentido também fizeram com que artistas fossem banidos ou censurados nas rádios e na TV, levando a polêmica a um novo nível. 

A última polêmica envolveu a cantora Lizzo. Ela precisou fazer mudanças na letra de ‘Grrrls’ depois de receber muita crítica de que a música tinha teor capacitista, ou seja, mostrava preconceito contra pessoas com deficiência. O trecho polêmico é o seguinte: “Hold my bag, bitch, hold my bag. Do you see this shit? I’ma spazz”, que em tradução livre seria algo como “segure minha bolsa,  v a d i a. Eu sou louca”. Não parece nada demais, mas o problema está na palavra spazz que pode tanto significar uma gíria para “estou surtando” quanto formalmente significa os espasmos de quem tem paralisia cerebral.

Quer descobrir as músicas internacionais mais polêmicas de todos os tempos? Clique na galeria!


Referências a drogas, conteúdos explícitos, agressões verbais às autoridades… Algumas músicas se propõem a ser controversas. Outras acidentalmente acabam entrando em território perigoso. Músicos, vez ou outra, fazem canções para desafiar crenças ou expressar algo que choca os ouvintes, o que pode até resultar na perda de fãs. Letras com duplo sentido também fizeram com que artistas fossem banidos ou censurados nas rádios e na TV, levando a polêmica a um novo nível. 
A última polêmica envolveu a cantora Lizzo. Ela precisou fazer mudanças na letra de ‘Grrrls’ depois de receber muita crítica de que a música tinha teor capacitista, ou seja, mostrava preconceito contra pessoas com deficiência. O trecho polêmico é o seguinte: “Hold my bag, bitch, hold my bag. Do you see this shit? I’ma spazz”, que em tradução livre seria algo como “segure minha bolsa,  v a d i a. Eu sou louca”. Não parece nada demais, mas o problema está na palavra spazz que pode tanto significar uma gíria para “estou surtando” quanto formalmente significa os espasmos de quem tem paralisia cerebral.
Quer descobrir as músicas internacionais mais polêmicas de todos os tempos? Clique na galeria!
© <p>Getty Images</p>
1 / 31
'Lucy In The Sky With Diamonds' – The Beatles

Tanto ‘Lucy In The Sky With Diamonds’ quanto ‘A Day In The Life’ foram banidas pela BBC por terem sido entendidas como indícios de uso ilícito de drogas, o que a banda negou.


Tanto ‘Lucy In The Sky With Diamonds’ quanto ‘A Day In The Life’ foram banidas pela BBC por terem sido entendidas como indícios de uso ilícito de drogas, o que a banda negou.
© <p>Getty Images</p>
2 / 31
'One in a Million' – Guns N' Roses

A banda Guns N’ Roses está bastante acostumada com polêmicas. Esta música de 1988 tem letras homofóbicas, xenofóbicas, r a c i s t a s  e anti-policiais. Axl Rose defendeu a canção, afirmando que era como ele se sentia quando se mudou de Indiana para Hollywood.


A banda Guns N’ Roses está bastante acostumada com polêmicas. Esta música de 1988 tem letras homofóbicas, xenofóbicas, r a c i s t a s  e anti-policiais. Axl Rose defendeu a canção, afirmando que era como ele se sentia quando se mudou de Indiana para Hollywood.
© <p>Getty Images</p>
3 / 31
'Famous' – Kanye West

Após seu lançamento, ‘Famous’ foi recebida tanto com aclamação da crítica quanto com escrutínio por ter letras controversas e uma referência a Taylor Swift, em parte por causa da interrupção de West no discurso de aceitação dela do VMA de 2009.


Após seu lançamento, ‘Famous’ foi recebida tanto com aclamação da crítica quanto com escrutínio por ter letras controversas e uma referência a Taylor Swift, em parte por causa da interrupção de West no discurso de aceitação dela do VMA de 2009.
© <p>Getty Images</p>
4 / 31
'Stan' – Eminem ft. Dido

Eminem recrutou a cantora britânica Dido no que se tornou um de seus maiores sucessos. A música conta a história de um suposto fã obcecado do rapper, que amarrou sua parceira grávida, a colocou no porta-malas de seu carro e entrou num rio enquanto estava bêbado.


Eminem recrutou a cantora britânica Dido no que se tornou um de seus maiores sucessos. A música conta a história de um suposto fã obcecado do rapper, que amarrou sua parceira grávida, a colocou no porta-malas de seu carro e entrou num rio enquanto estava bêbado.
© <p>Getty Images</p>
5 / 31
'Strange Fruit' – Billie Holiday

‘Strange Fruit’ protestou contra o linchamento dos negros, o que foi um choque para a sociedade  r a c i s t a  e conservadora da época. Quando essa música foi lançada em 1939, a justiça social e racial estava na vanguarda das questões mundiais. 


‘Strange Fruit’ protestou contra o linchamento dos negros, o que foi um choque para a sociedade  r a c i s t a  e conservadora da época. Quando essa música foi lançada em 1939, a justiça social e racial estava na vanguarda das questões mundiais. 
© <p>Getty Images</p>
6 / 31
'(I Can’t Get No) Satisfaction' – The Rolling Stones

Mick Jagger uma vez reclamou que os críticos nem sequer entendiam a frase mais indecente desta música. No entanto, ela foi polêmica o suficiente para causar uma comoção. 


Mick Jagger uma vez reclamou que os críticos nem sequer entendiam a frase mais indecente desta música. No entanto, ela foi polêmica o suficiente para causar uma comoção. 
© <p>Getty Images</p>
7 / 31
'Suicide Solution' – Ozzy Osbourne

De seu álbum de 1980 ‘Blizzard of Ozz’, ‘Suicide Solution’ foi uma das músicas mais controversas de Osbourne. Isso aconteceu, principalmente, porque os pais do adolescente John McCollum processaram o cantor e a CBS Records depois que o garoto tirou a própria vida, supostamente por causa da música.


De seu álbum de 1980 ‘Blizzard of Ozz’, ‘Suicide Solution’ foi uma das músicas mais controversas de Osbourne. Isso aconteceu, principalmente, porque os pais do adolescente John McCollum processaram o cantor e a CBS Records depois que o garoto tirou a própria vida, supostamente por causa da música.
© <p>Getty Images</p>
8 / 31
'Papa Don't Preach' – Madonna

A rainha do pop causou muita polêmica ao longo de sua carreira. E com essa música não foi diferente! Cantar sobre gravidez na adolescência era um grande problema nos anos 1980. 


A rainha do pop causou muita polêmica ao longo de sua carreira. E com essa música não foi diferente! Cantar sobre gravidez na adolescência era um grande problema nos anos 1980. 
© <p>Getty Images</p>
9 / 31
'God Save The Queen' – S e x Pistols

Como uma verdadeira banda punk, o S e x  Pistols amava polêmicas. Esta música dá a entender que a monarquia da Rainha Elizabeth II é um regime fascista, o que fez com que a BBC proibisse que a canção fosse tocada no Reino Unido. No entanto, ela ainda atingiu o 5º lugar nas paradas britânicas!


Como uma verdadeira banda punk, o S e x  Pistols amava polêmicas. Esta música dá a entender que a monarquia da Rainha Elizabeth II é um regime fascista, o que fez com que a BBC proibisse que a canção fosse tocada no Reino Unido. No entanto, ela ainda atingiu o 5º lugar nas paradas britânicas!
© <p>Getty Images</p>
10 / 31
'Goodbye Earl' – The Chicks

Esta faixa foi um dos sucessos do trio country que mais chamou atenção. Conta a história de uma mulher que sofre abuso doméstico nas mãos do marido e se vinga, envenenando-o.  


Esta faixa foi um dos sucessos do trio country que mais chamou atenção. Conta a história de uma mulher que sofre abuso doméstico nas mãos do marido e se vinga, envenenando-o.  
© <p>Getty Images</p>
11 / 31
'Blurred Lines' – Robin Thicke ft. T.I. e Pharrell Williams

Escrever créditos para esta canção foi uma polêmica em si mesma, mas também foi controverso o fato de muita gente achar as letras misóginas e sugestivas para coerção  s e x u a l.


Escrever créditos para esta canção foi uma polêmica em si mesma, mas também foi controverso o fato de muita gente achar as letras misóginas e sugestivas para coerção  s e x u a l.
© <p>Getty Images</p>
12 / 31
'Accidental Racist' – Brad Paisley ft. LL Cool J

Uma mistura de country e hip-hop, esta canção gerou polêmica por sua discussão sobre racismo e sua mensagem de orgulho sulista, que incluía a bandeira dos Confederados.


Uma mistura de country e hip-hop, esta canção gerou polêmica por sua discussão sobre racismo e sua mensagem de orgulho sulista, que incluía a bandeira dos Confederados.
© <p>Getty Images</p>
13 / 31
'God Only Knows' – The Beach Boys

Nos anos 60, invocar o nome de Deus em uma canção pop era considerado blasfêmia. Isso levou algumas estações de rádio a proibir este clássico dos Beach Boys.


Nos anos 60, invocar o nome de Deus em uma canção pop era considerado blasfêmia. Isso levou algumas estações de rádio a proibir este clássico dos Beach Boys.
© <p>Getty Images</p>
14 / 31
'F u c k tha Police' – N.W.A.

Essa é uma canção de protesto contra a brutalidade policial e o uso de perfil racial. A música infame do N.W.A recebeu desaprovação das autoridades, que afirmaram que a letra deturpava a polícia.


Essa é uma canção de protesto contra a brutalidade policial e o uso de perfil racial. A música infame do N.W.A recebeu desaprovação das autoridades, que afirmaram que a letra deturpava a polícia.
© <p>Getty Images</p>
15 / 31
'Brown Eyed Girl' – Van Morrison

O título original desta canção era ‘Brown Skinned Girl’ (“garota de pele marrom”, em tradução livre) e detalhava uma relação interracial. Van Morrison teve que mudar a letra para garantir a reprodução da música nas rádios, mas, mesmo assim, muitos ainda acharam problemas nela. 


O título original desta canção era ‘Brown Skinned Girl’ (“garota de pele marrom”, em tradução livre) e detalhava uma relação interracial. Van Morrison teve que mudar a letra para garantir a reprodução da música nas rádios, mas, mesmo assim, muitos ainda acharam problemas nela. 
© <p>Getty Images</p>
16 / 31
'Killing in the Name' – Rage Against the Machine

Famosa por suas opiniões político-sociais, uma das canções mais notáveis da banda de rock, ‘Killing in the Name’, ataca a brutalidade policial e o racismo sistêmico e institucional.


Famosa por suas opiniões político-sociais, uma das canções mais notáveis da banda de rock, ‘Killing in the Name’, ataca a brutalidade policial e o racismo sistêmico e institucional.
© <p>Getty Images</p>
17 / 31
'Angel Of Death' – Slayer

Considerada a principal banda de thrash metal, o Slayer entregou uma canção inteira sobre os experimentos do médico  n a z i s t a, Josef Mengele, no campo de concentração de Auschwitz. Muitos acreditavam que a letra era pró-nazi, mas isso foi negado pela banda. 


Considerada a principal banda de thrash metal, o Slayer entregou uma canção inteira sobre os experimentos do médico  n a z i s t a, Josef Mengele, no campo de concentração de Auschwitz. Muitos acreditavam que a letra era pró-nazi, mas isso foi negado pela banda. 
© <p>Getty Images</p>
18 / 31
'Killing an Arab' – The Cure

O primeiro single da banda de rock britânica ainda é o mais controverso. Inspirada no romance francês ‘O Estranho’ (1942), a canção foi muito criticada ao descrever o assassinato de uma pessoa árabe numa praia.   


O primeiro single da banda de rock britânica ainda é o mais controverso. Inspirada no romance francês ‘O Estranho’ (1942), a canção foi muito criticada ao descrever o assassinato de uma pessoa árabe numa praia.   
© <p>Getty Images</p>
19 / 31
'American Skin (41 Shots)' – Bruce Springsteen

Bruce Springsteen se colocou numa polêmica ao retratar musicalmente o tiroteio que levou à morte de Amadou Diallo pela polícia de Nova York. Embora a canção tenha sido elogiada pelos fãs, a polícia não ficou feliz. 


Bruce Springsteen se colocou numa polêmica ao retratar musicalmente o tiroteio que levou à morte de Amadou Diallo pela polícia de Nova York. Embora a canção tenha sido elogiada pelos fãs, a polícia não ficou feliz. 
© <p>Getty Images</p>
20 / 31
'S e x y MF' – Prince & The New Power Generation

Antes de sua morte, em 2016, Prince teria parado de tocar essa música ao vivo devido à profanação no título que também faz parte do refrão. Junto com o clipe, a música foi editada para a rádio. 


Antes de sua morte, em 2016, Prince teria parado de tocar essa música ao vivo devido à profanação no título que também faz parte do refrão. Junto com o clipe, a música foi editada para a rádio. 
© <p>Getty Images</p>
21 / 31
'The Pill' – Loretta Lynn

Nos anos 70, músicas sobre controle de natalidade não eram comuns. Então, quando a estrela country Loretta Lynn lançou esta faixa, várias estações de rádio se recusaram a tocá-la. 


Nos anos 70, músicas sobre controle de natalidade não eram comuns. Então, quando a estrela country Loretta Lynn lançou esta faixa, várias estações de rádio se recusaram a tocá-la. 
© <p>Getty Images</p>
22 / 31
'Rape Me' – Nirvana

O Nirvana frequentemente era o centro das atenções, principalmente por causa do problemático vocalista Kurt Cobain. Mas só o título desta música já causa polêmicas (‘Rape Me’, significa  “e s t u p r a – m e”  em português). Cobain sempre afirmou que se tratava de uma música anti-e s t u p r o  que partia do ponto de vista da vítima. 


O Nirvana frequentemente era o centro das atenções, principalmente por causa do problemático vocalista Kurt Cobain. Mas só o título desta música já causa polêmicas (‘Rape Me’, significa  “e s t u p r a – m e”  em português). Cobain sempre afirmou que se tratava de uma música anti-e s t u p r o  que partia do ponto de vista da vítima. 
© <p>Getty Images</p>
23 / 31
'Lemon Ιncest' – Serge e Charlotte Gainsbourg

Essa colaboração francesa entre pai e filha é assustadora. Charlotte Gainsbourg tinha 13 anos na época, cantando sobre um relacionamento (obviamente um tabu) entre um homem adulto e uma menor de idade. Muitos se perguntavam se a canção era realmente autobiográfica, o que foi negado por Serge Gainsbourg. 


Essa colaboração francesa entre pai e filha é assustadora. Charlotte Gainsbourg tinha 13 anos na época, cantando sobre um relacionamento (obviamente um tabu) entre um homem adulto e uma menor de idade. Muitos se perguntavam se a canção era realmente autobiográfica, o que foi negado por Serge Gainsbourg. 
© <p>Getty Images</p>
24 / 31
'We Can't Stop' – Miley Cyrus

Para se separar da imagem de Hannah Montana, Miley Cyrus lançou um hit estrondoso onde canta sobre “dançar com Molly” e “Tentar se dar bem na fila no banheiro”.


Para se separar da imagem de Hannah Montana, Miley Cyrus lançou um hit estrondoso onde canta sobre “dançar com Molly” e “Tentar se dar bem na fila no banheiro”.
© <p>Getty Images</p>
25 / 31
'Puff, the Magic Dragon' – Peter, Paul and Mary

Escrita pelo membro da banda, Peter Yarrow, e tirada de um poema de Leonard Lipton, a canção traz um significado (não muito secreto) envolvendo o uso de maconha.


Escrita pelo membro da banda, Peter Yarrow, e tirada de um poema de Leonard Lipton, a canção traz um significado (não muito secreto) envolvendo o uso de maconha.
© <p>Getty Images</p>
26 / 31
'Closer' – Nine Inch Nails

Um hit nas rádios no seu lançamento em 1994, ‘Closer’ do Nine Inch Nails é uma das músicas mais populares da banda. Mas precisou ser editada. O refrão fala sobre  s e x u a l i d a d e  e desejo. 


Um hit nas rádios no seu lançamento em 1994, ‘Closer’ do Nine Inch Nails é uma das músicas mais populares da banda. Mas precisou ser editada. O refrão fala sobre  s e x u a l i d a d e  e desejo. 
© <p>Getty Images</p>
27 / 31
'Smack My Bitch Up' – The Prodigy

Esta banda britânica de música eletrônica pode ser responsável pela canção mais polêmica já gravada, com letras que reforçam vício s e x u a l  e agressão.


Esta banda britânica de música eletrônica pode ser responsável pela canção mais polêmica já gravada, com letras que reforçam vício s e x u a l  e agressão.
© <p>Getty Images</p>
28 / 31
'Cop Killer' – Body Count

No passado, Ice-T já participou de uma banda de heavy metal. A música ‘Cop Killer’ (assassino de policiais) é considerada uma canção de protesto contra a brutalidade policial.


No passado, Ice-T já participou de uma banda de heavy metal. A música ‘Cop Killer’ (assassino de policiais) é considerada uma canção de protesto contra a brutalidade policial.
© <p>Getty Images</p>
29 / 31
'Lola' – The Kinks

‘Lola’ causou alguma comoção por causa de sua letra, na qual o cantor menciona estar confuso sobre o gênero de seu interesse amoroso. A canção foi banida de algumas estações de rádio no Reino Unido e na Austrália. 


‘Lola’ causou alguma comoção por causa de sua letra, na qual o cantor menciona estar confuso sobre o gênero de seu interesse amoroso. A canção foi banida de algumas estações de rádio no Reino Unido e na Austrália. 
© <p>Getty Images</p>
30 / 31
'Dear God' – XTC

Esta faixa dos roqueiros britânicos XTC causou um grande rebuliço nos anos 80. Temas anti-religião que promoviam o pensamento livre irritaram muitos conservadores em todo o mundo. O vocalista Andy Partridge teria até recebido ameaças de morte como resultado.  

Fontes: (Yardbarker) (uDiscoverMusic)

Veja também: Músicos que destruíram suas carreiras em cima do palco


Esta faixa dos roqueiros britânicos XTC causou um grande rebuliço nos anos 80. Temas anti-religião que promoviam o pensamento livre irritaram muitos conservadores em todo o mundo. O vocalista Andy Partridge teria até recebido ameaças de morte como resultado.  
Fontes: (Yardbarker) (uDiscoverMusic)
Veja também: Músicos que destruíram suas carreiras em cima do palco
© <p>Getty Images</p>
31 / 31
Lizzo

Referências a drogas, conteúdos explícitos, agressões verbais às autoridades… Algumas músicas se propõem a ser controversas. Outras acidentalmente acabam entrando em território perigoso. Músicos, vez ou outra, fazem canções para desafiar crenças ou expressar algo que choca os ouvintes, o que pode até resultar na perda de fãs. Letras com duplo sentido também fizeram com que artistas fossem banidos ou censurados nas rádios e na TV, levando a polêmica a um novo nível. 

A última polêmica envolveu a cantora Lizzo. Ela precisou fazer mudanças na letra de ‘Grrrls’ depois de receber muita crítica de que a música tinha teor capacitista, ou seja, mostrava preconceito contra pessoas com deficiência. O trecho polêmico é o seguinte: “Hold my bag, bitch, hold my bag. Do you see this shit? I’ma spazz”, que em tradução livre seria algo como “segure minha bolsa,  v a d i a. Eu sou louca”. Não parece nada demais, mas o problema está na palavra spazz que pode tanto significar uma gíria para “estou surtando” quanto formalmente significa os espasmos de quem tem paralisia cerebral.

Quer descobrir as músicas internacionais mais polêmicas de todos os tempos? Clique na galeria!


Referências a drogas, conteúdos explícitos, agressões verbais às autoridades… Algumas músicas se propõem a ser controversas. Outras acidentalmente acabam entrando em território perigoso. Músicos, vez ou outra, fazem canções para desafiar crenças ou expressar algo que choca os ouvintes, o que pode até resultar na perda de fãs. Letras com duplo sentido também fizeram com que artistas fossem banidos ou censurados nas rádios e na TV, levando a polêmica a um novo nível. 
A última polêmica envolveu a cantora Lizzo. Ela precisou fazer mudanças na letra de ‘Grrrls’ depois de receber muita crítica de que a música tinha teor capacitista, ou seja, mostrava preconceito contra pessoas com deficiência. O trecho polêmico é o seguinte: “Hold my bag, bitch, hold my bag. Do you see this shit? I’ma spazz”, que em tradução livre seria algo como “segure minha bolsa,  v a d i a. Eu sou louca”. Não parece nada demais, mas o problema está na palavra spazz que pode tanto significar uma gíria para “estou surtando” quanto formalmente significa os espasmos de quem tem paralisia cerebral.
Quer descobrir as músicas internacionais mais polêmicas de todos os tempos? Clique na galeria!
© <p>Getty Images</p>
31
20:15 – 21/06/22 por Notícias Ao Minuto
Cultura Músicas
Referências a drogas, conteúdos explícitos, agressões verbais às autoridades… Algumas músicas se propõem a ser controversas. Outras acidentalmente acabam entrando em território perigoso. Músicos, vez ou outra, fazem canções para desafiar crenças ou expressar algo que choca os ouvintes, o que pode até resultar na perda de fãs. Letras com duplo sentido também fizeram com que artistas fossem banidos ou censurados nas rádios e na TV, levando a polêmica a um novo nível.
A última polêmica envolveu a cantora Lizzo. Ela precisou fazer mudanças na letra de ‘Grrrls’ depois de receber muita crítica de que a música tinha teor capacitista, ou seja, mostrava preconceito contra pessoas com deficiência. O trecho polêmico é o seguinte: “Hold my bag, bitch, hold my bag. Do you see this shit? I’ma spazz”, que em tradução livre seria algo como “segure minha bolsa, v a d i a. Eu sou louca”. Não parece nada demais, mas o problema está na palavra spazz que pode tanto significar uma gíria para “estou surtando” quanto formalmente significa os espasmos de quem tem paralisia cerebral.
Quer descobrir as músicas internacionais mais polêmicas de todos os tempos? Clique na galeria!
brasil TRANSPORTE-APLICATIVOS
Motoristas de app fazem sexo com passageiros por dinheiro
fama Adele
Namorado e ex-marido de Adele sentam lado a lado em show
fama TIAGO-LEIFERT
Tiago Leifert posta foto rara da filha, Lua, cercada de bolas de futebol
esporte Fórmula 1
Sainz conquista vitória inédita na carreira em corrida marcada por grave acidente
politica LULA-PORTUGAL
Presidente de Portugal encontra Lula e diz não saber se reunião com Bolsonaro será mantida
politica Ronaldo Caiado Filho
Filho de Ronaldo Caiado morre aos 40 anos
esporte Rio de Janeiro
Felipe Melo e família são assaltados na saída do Maracanã
politica ELEIÇÕES-2022
Disputa concentrada entre Lula e Bolsonaro é de difícil reversão, dizem pesquisadores
brasil Unesp
Alunas acusam professor da Unesp de assédio sexual
mundo Guerra na Ucrânia
Família diz ter sido comunicada que brasileiro morreu na Guerra da Ucrânia
© 2022 Notícias ao Minuto. Todos os direitos reservados
Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.
Notícias ao Minuto Brasil
Seja o primeiro a saber: mais informação em tempo real
Baixe o aplicativo e acesse toda a informação do Notícias ao Minuto por smartphone ou tablet de uma forma mais cômoda, intuitiva e imediata.
Apple Store Download Google Play Download

source

Deixe uma resposta