Camané, Noiserv, The Legendary Tigerman e Moonshiners no arranque do Festival dos Canais em Aveiro – Comunidade Cultura e Arte

Camané, Noiserv, Moonshiners, The Legendary Tigerman, Teatro do Mar, Haatik Dantza, Nova Galega de Danza e Deabru Beltzak entre os presentes no Festival dos Canais em Aveiro. A entrada é sempre gratuita.
O Festival dos Canais arranca já este fim-de-semana. O evento distribui-se por duas etapas, a acontecer nos dias 14 a 17 e 22 a 24 de julho, e a primeira está prestes a começar. Música, teatro, dança, novo circo, artes visuais, atividades para crianças e diversas outras áreas artísticas fazem parte do programa, com artistas nacionais e internacionais, podendo-se contar com diversas estreias.
Na música, conte-se com a presença de Camané, assim como a celebração do décimo aniversário dos Moonshiners, banda aveirense que neste concerto especial se fará acompanhar por The Legendary Tigerman, Fanfarra Káustika e O Gajo. Também Marinho, Slimmy, Peter Storm & The Blues Society e Carapaus Orkestra irão atuar no festival, assim como a Orquestra Filarmonia das Beiras. Há ainda lugar para um concerto muito especial de Noiserv, a acontecer no Coreto do Parque da Cidade.  
Numa fusão de música e teatro de rua, os bascos Deabru Beltzak prometem aquecer os ânimos com a sua Symfeuny, uma proposta criada a partir do fogo que irá convocar o público. Também do país basco vêm as companhias Haatik Dantza, Nova Galega de Danza e Markeliñe, todas com criações aclamadas pela crítica e pelo público, entre teatro de rua e dança. 
O programa completa-se ainda com o circo contemporâneo de Mutabilia, da companhia Teatro do Mar, e a performance de Dendryx, de Jeanneth Vieira, que nos apresenta os sobreviventes de um apocalipse futuro em busca de energia. Numa relação direta com a paisagem e a tradição, Corpo do Sal promete reinventar, através da dança, as salinas do Ecomuseu Marinha da Troncalhada, numa colaboração entre Lara Pereira e Malgorzata Suś.  
Os apreciadores de artes visuais terão MagiC Carpets Landed, uma exposição internacional que abriu Kaunas 2022 – Capital Europeia da Cultura e que se estende por vários locais de Aveiro, com um elenco feminino de artistas. Também com artistas internacionais será feita uma pintura mural no Túnel da Ponte da Dobadoura, onde estará a trabalhar ao vivo a dupla Obras Akrobad, da República Checa, numa parceria com Pilzen 2015 – Capital Europeia da Cultura. Quanto ao projeto Provocar a Paisagem – Experenciar Territórios, traz obras de três artistas nacionais criadas em diálogo com paisagens da região. 
Os mais novos terão o Jardim das Brincadeiras, um recinto que é também uma experiência sensorial com diversas atividades programadas. Podem ainda desfrutar do espetáculo PaPI Opus 9, da Companhia de Música Teatral, uma viagem pelo mundo da água que estimula a escuta atenta e a interação de bebés e crianças pequenas. 
O Festival dos Canais propõe ainda um ponto de encontro, a Sala de eSTAR, na Praça da República, onde se poderá parar para beber um copo ou ouvir a música de DJs como Xico Ferrão & Rui Pimenta, Ricardo Beja, Nuno Calado e Isilda Sanches, a que se juntam concertos de Mueran Humanos, Materia + Hari Sima e Lonzdale’s Fantasy. Este espaço regressa na próxima etapa do festival, com mais artistas, sendo nessa altura complementado pela Funky Beach, uma praia urbana no Jardim do Museu de Aveiro/Santa Joana. 
Quem promete não parar é a Fanfarra dos Canais, projeto da Oficina de Música de Aveiro que reúne músicos profissionais e amadores numa formação itinerante que vai animar as ruas por onde passa. Também distribuído pela cidade está o projeto Platô, um circuito de instalações sonoras com criações de Lígia Soares, Miguel Bonneville, Raquel S. com Hugo Branco e Marcos Foz com Luís Araújo, a descobrir na Rua da Pega, no Parque da Cidade/Infante D. Pedro, no Teatro Aveirense e na Ponte Pedonal do Canal de São Roque sobre a A25. 
Bem recebida será, com certeza, a notícia da reposição da peça de teatro As Sete Vidas da Argila – Como Boca-de-Barro Ganhou o seu Apelido, um espetáculo encenado por Jorge Louraço Figueira e concebido com o contributo de aveirenses na criação e no elenco.
O festival completa-se ainda com um programa de atividades náuticas, dando ao público a possibilidade de experimentar várias modalidades.   
A etapa seguinte do festival, de 22 a 24 de julho, vai trazer concertos de AGIR, Aurea, Carolina Deslandes e Rita Redshoes com Banda Sinfónica de Aveiro – Banda Amizade e Mirror People, assim como espetáculos das companhias Transe Express, La Glo Circo, Zanguango Teatro, entre muitos outros destaques.
O Festival dos Canais integra a candidatura de Aveiro a Capital Europeia da Cultura em 2027.
Contudo patrocinado por Município de Aveiro.
Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?
Podes apoiar a partir de 1€ por mês.
Camané, Noiserv, The Legendary Tigerman e Moonshiners no arranque do Festival dos Canais em Aveiro
por ,    9 Julho, 2022
17 Junho, 2022
30 Maio, 2022
30 Maio, 2022
19 Maio, 2022
A Comunidade Cultura e Arte é um projecto de informação que nasceu no meio digital e que tem por missão popularizar e homenagear a cultura e a arte em todas as suas vertentes.
Recebe, em primeira mão, todas as novidades da Comunidade Cultura e Arte.
CCA 2022 © Todos os direitos são reservados. Por Bismuto Labs.

source

Deixe uma resposta