Playlists do Spotify são invadidas e "vandalizadas" por bots misteriosos – Canaltech

Tudo sobre Spotify
Contas misteriosas no Spotify estão modificando playlists colaborativas sem autorização, relatam usuários e artistas da plataforma nas redes sociais. Acusados de serem bots, os perfis retiram faixas das filas de reprodução e adicionam músicas de autores não tão conhecidos do serviço.
Aparentemente, os bots abusam da vulnerabilidade de playlists públicas para impulsionar a popularidade de artistas. A estratégia é simples: alterar as listas de reprodução de forma discreta (ou não, em alguns casos), torcendo para que o autor ouça a música recentemente adicionada e aumente o número de reproduções e seguidores do músico “patrocinador”.
O transtorno que os bots causam é evidente na plataforma: ao pesquisar “stop adding songs” (“pare de adicionar músicas”, em português) dá para encontrar várias playlists cujos nomes exigem que os perfis misteriosos parem de adicionar músicas. Curiosamente, as contas automatizadas teriam nomes femininos, como “Ava”, “Janica”, “Ashley” e “Olivia”.
Felizmente, o Spotify admitiu que a invasão de playlists realmente acontece e trabalha numa solução. No fórum oficial da plataforma, um moderador explica que a brecha existe em toda lista de músicas pública do app. “Atualmente, qualquer usuário com o link para essa playlist pode editá-la”, comentou.
Uma das ideias que a plataforma avalia é a possibilidade de editar permissões para listas de reprodução colaborativas. Assim, o autor da coletânea poderia escolher exatamente quais contas poderiam modificar a playlist, enquanto as demais poderiam somente ouvir as faixas ou fazer uma cópia da lista para si.
Por enquanto, porém, não há previsão para o lançamento desse recurso — ele sequer foi confirmado pela plataforma, aliás. A única solução para evitar a invasão agora seria desativar a opção “Playlist colaborativa”, ou torcer para que os bots não encontrem a sua lista de músicas.
Fonte: Mashable
Gostou dessa matéria?
Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

source

Deixe uma resposta